15 fevereiro, 2017

Crítica: Chernobyl sinta a radiação

Resultado de imagem para chernobyl sinta a radiação

Sinopse
Seis turistas contratam um tour radical que os leva à cidade abandonada de Pripyat, antigo lar de trabalhadores da usina nuclear de Chernobyl. Durante a exploração,eles logo descobrem que não estão sozinhos.


Tudo o que queremos quando estamos com dúvidas sobre assistir um filme ou não, é uma crítica sincera, pois filmes longos poderiam fazer com que perdêssemos nosso tempo. Procurei diversas críticas em sites diferentes sobre este filme e em todos eles diziam que o filme era até que bom e que conseguia prender a nossa atenção até o fim, o que é verdade, ele prende nossa atenção, mas agora dizer que o filme até que é bom é uma grande ironia. Bom se você gosta de filmes de terror, até que bem produzido, mas com falhas no roteiro, vá em frente e assista, agora se você ainda esta com dúvida se vale a pena assistir o filme continue lendo esta crítica.
'Chernobyl: sinta a radiação' é um filme norte-americano de 2012 que conta com a direção de Bradley Parker, e roteiro de Oren Peli ('Atividade Paranormal'), além de ter no elenco atores como Devin Kelley ('Resurrection') e Ingrid Bolso Berdal ('Presos no Gelo').
O filme segue os típicos clichés de filmes de terror, onde um grupo de pessoas vai viajar para algum lugar e acontece algum problema por lá, logo no início da viagem até Pripyat, Uri (guia do grupo) tenta conversar com o serviço de fronteira (que barra ou não o pessoal que esta indo fazer excursões para o local) e ele disse que o grupo não poderia ir, pois estavam fazendo um trabalho de rotina ali dentro. Até ai tudo bem, o problema é que Paul, insisti em irem para a cidade, afinal de contas eles pagaram por aquela excursão. Uri pega um caminho alternativo, eles dão uma volta pela cidade, Amanda (Devin Kelley) tira umas fotos do lugar e tudo mais, quando eles estão prestes a retornar eis que o carro não da partida, pois alguma coisa comeu uma parte da fiação do carro. 
Eles poderiam ter ido andando até o serviço de fronteira e ter retornado, mas como iria escurecer, Uri pede para que fiquem no carro, bacana, se não fosse eles avistarem algo do lado de fora do carro. Uri então, todo valente pega sua arma e diz que vai ver o que é e pede para ninguém sair do carro, isso até Chris decidir ir atrás dele. No final das contas, sai o Uri, o Chris que foi atrás dele e o Paul (irmão do Chris) para ir atrás dele e voltam somente o Chris e Paul, sendo que este esta com a perna machucada. 
O fato é que apesar de ser bem produzido, retratar bem a cidade devastada, eles viajaram muito no roteiro, existem pessoas morando lá ainda, mas elas não estão normais, roteirista fez com que elas virassem uma especie de zumbis vampiros assassinos, sim isso mesmo, pois eles meio que se comportam como zumbis, não saem de dia, ficam somente em locais escuros e aparentemente matam tudo o que esta vivo, exceto eles próprios. Bizarro, eu sei.
Mas não é só isso, consegue ficar ainda pior, aos poucos os personagens vão sumindo, começando por Uri, seguido de Chris e Natalie (eles até conseguem encontrar Natalie depois, mas ela some de novo), e então Michael e finalmente Zoe. Alguns deles nem sequer são explicados, por exemplo o do Chris. 
Como se isso não bastasse, Amanda e Paul, junto de Zoe encontram uma especie de bunker, problema, tem várias macas, e varias coisas hospitalares (os zumbis vampiros assassinos estavam morando lá) e para fugir, Amanda e Paul só podem seguir um caminho e adivinhem só, ele passa dentro do reator de Chernobyl. Deu pra sentir um pouco a viagem né. Quando passam pelo reator eles sentem as peles queimarem (o que de fato acontece, tinham que acertar uma), além disso o medidor Geiger (que mede os níveis que radição), chegou meio que a "explodir" devido aos altos níveis, o que deveria ter matado os personagens, mas eles só saíram de lá com queimaduras.
O final continua seguindo esta viagem louca, mas pra conferir vocês tem que assistir, isso se vocês acharam que vale a pena, nem mesmo o carisma de alguns personagens e a boa atuação de Devin e Ingrid conseguiram salvar totalmente o filme. 
Apenas digo, não assistam 'Chernobyl: sinta a radiação' com grandes expectativas, vocês irão se frustar completamente, vá sem nenhuma expectativa e esperando deslizes no roteiro, e também não espero grandes cenas de susto, o filme tinha potencial, mas não foi bem desenvolvido.
Para quem quiser assistir, ele esta disponível no Netflix.
Nota variando de 0-5: 2,9

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos os comentários, sua opinião é sempre importante para nós.